To luisafonso: “Bitaites”!

  • Bah! Tu percebes lá de fotografia… ehehehe

    Muito obrigado pela critica. É possível que o que comentaste seja o que o resto do pessoal sinta e eu não tenha entendido. E se ninguém diz não ficarei a saber. Mas curiosamente são esses argumentos que me fazem gostar bastante dela, e talvez por isso não tenha percebido a indiferença geral. Posso até dizer que esta é uma situação comum…

    Se a tivesse que criticar (como se fosse de outro fotógrafo) diria que gosto bastante do trabalho com a luz e da forma como as colunas se vão gradualmente mostrando da sombra/silhueta para a claridade, e como a luz em diagonal progressiva cria uma sensação de “revelação” dos detalhes. Igualmente o plano de fundo, semi-escondido pelas colunas do primeiro plano revela discretamente parte do que poderá estar para lá delas e de uma forma que estimula a curiosidade sobre o seu aspecto geral. O enquadramento apertado concentra a nossa visão nos pequenos detalhes e na atmosfera /ambiente existente, trazendo todos estes detalhes discretos algum mistério e elegância que não seriam tão evidentes numa vista geral. É uma imagem que puxa pela imaginação, mais que se mostrasse o todo.

    Bem, como estás a ver a minha leitura é muito diferente do que poderá ser feita por outros. Seja como for, e como é normal em arte, ninguém está 100% certo ou errado, e muitas das interpretações são baseadas no imaginário inconsciente de cada um. E é claro que, como autor, e estando “careca” de ver vistas gerais do local que fotografei acabe por valorizar pessoalmente os pormenores e as composições menos comuns. Penso que isso é normal entre os fotógrafos. Aliás, é por isso que gosto de colocar séries (arriscando serem longas e “secantes”) pois um local não se esgota só com as vistas gerais.

    Se tivesse que revelar uma da série para pôr em casa seria mesmo esta. Enfim… E como disse, percebes lá de fotografia para ‘tares aí a mandar “bitaites”!

    ;-)
  • Re: To luisafonso: “Bitaites”!
    Numa coisa tens razão: eu não vejo um boi de fotografia! :)))) Eu compreendo a tua "frustração" e também concordo com a tua crítica. O problema é que tu conheces o lugar, estavas lá, tens a percepção do todo. Depois há o momento, as emoções que te ligam ao lugar e a esta foto em particular. "Strings attached" como dizem os ingleses... Acho que o mais dificil é mesmo separarmo-nos dessas cordas que nos amarram às nossas fotos preferidas. Quando vezes não postei eu já fotos mediocres (não é o caso desta) só porque eu achava ser a melhor... É realmente difícil. Mas voltando à foto, esta é decididamente muito pessoal para mostrar o lugar. Se tivesses imprimir uma para ti seria esta: concordo; mas se tivesses de imprimir uma para representar o lugar não seria esta, pois não? ;) Abraço

    PS. Sábado vamos fotografar. Queres vir connosco?
  • Re: To luisafonso: “Bitaites”!
    Bem, se tivesse que imprimir UMA, para mostrar o lugar não seria esta claro, mas se tivesse que escolher umas poucas acho que ia ter a teimosia de a lá pelo meio. eheheh

    Quanto a ir fotografar no próximo Sábado é algo a ver, mas não posso dar garantias. Quem, e o que estão a pensar fazer?
  • Re: To luisafonso: “Bitaites”!
    riclopes, mário e talvez o fred... Como sempre à aventura por LX...
  • Re: To luisafonso: “Bitaites”!
    Acho que seria muito interessante vires José :-)

    Eu, que ainda percebo menos de fotografia que o Luís, continuo ao lado do resto da maralha a escolher a nr1 desta série, pelas razões que já apontei quando a critiquei. Adoro fortes perspectivas que nos levem até ao infinito e esta está muito apertada para o meu gosto.

    Ricardo
  • Re: To luisafonso: “Bitaites”!
    Olha outro armado em esperto...

    ;-)