Foto

Photographer's Note

Imóvel de interesse público - D.R. n. 226 de 29/9/77 - Decreto n.ordem; 129/77. Imponente conjunto de arquitectura militar seiscentista, cuja construção foi dirigida pelo padre João de Cosmander que trabalhou ao serviço de D. João IV.


Supõe-se terem sido aproveitadas por Cosmander as estruturas de uma velha fortaleza Manuelina, o Forte da Marinha, que antigamente se ergueu na baía de Sesimbra, porventura neste mesmo lugar.
Enriquecem-na interiormente a série de divisões militares que a formavam e ainda subsistem bem conservadas, como a residência que foi do governador e as dependências da guarnição, as cisternas e o paiol a capela privativa e as masmorras.


Entre as duas torres, sobre o norte, dispõe-se a ala onde esteve instalado em 1712 o governo militar da região, superintendendo a todos os fortes costeiros, desde a torre do Outão, à Lagoa de Albufeira, passando pelas fortalezas do Portinho (Arrábida), S. Teodósio, S. Domingos da Baralha e do Cabo Espichel.
Abandonada pela guarnição em 1832, a Fortaleza foi cedida em 1886 à alfândega e desde 1879 que a Guarda Fiscal se instala nas suas dependências.

Actualmente a Fortaleza de Santiago constitui a mais pesada edificação da vila, pela sua estrutura, pelo seu peso histórico militar, pela sua implantação fisica.
Junto ao pórtico de entrada, nota-se embebida no pano parietal, uma pedra de heráldica do domínio estadual, coeva da fundação (1648), com escudo francês inteiro, coroa real e correias estilizadas e ausência de esmaltes.

cainomar ha contrassegnato questa nota come utile

Photo Information
Viewed: 3015
Points: 2
Discussions
  • None
Additional Photos by Paulo Pires (PauloAJPires) Gold Star Critiquer/Silver Note Writer [C: 83 W: 8 N: 41] (294)
View More Pictures
explore TREKEARTH